Translate

quarta-feira, 9 de maio de 2012

BOM DIA GENTE LINDA !

Hoje o nosso bom dia vai com esta linda oração postada pela nossa querida amiga Ana Bonadia... " Ki Nossu Sinhô ti dê muitchas benças nu dia di Hoje" ! ! !

Um abraço enorme ... :-)) ... M.B.
Oração do Matuto

Ói Deus,
nóis tá sempre pedindo as coisas pro Sinhô.
Nóis pede dinhero
nóis pede trabaio
nóis pede pra chovê
e se chove demais
nóis pede pra pará
mode a coiêta num afetá.
Nóis pede amô
nóis pede pra casá
pede casa pra morá
nóis pede saúde
nóis pede proteção
nóis pede paiz
nóis pede pra dislindá os nó
quando as coisa comprica,
mode a vida corrê mió.
Quando a coisa aperta nós reza
pedindo tudo que nos farta
É uma pedição sem fim
e se as coisa dá certo
nóis vai na igreja mais perto
e no pé de argum santo
que seja de devoção
nóis dexa sempre uns merréis
e lá nos cofre da frente
nóis coloca mais uns tostão.
Mais hoje Meu Sinhô
bateu uma coisa isquisita
e eu me puis a matutá
nóis pede pede e pede
mas nóis nunca pergunta
comé que o Sinhô está
se tá triste ou contente
se precisa darguma coisa
que a gente possa ajudá
e por esse esquecimento
O Sinhô há de nos descurpá.
Ói Deus, nóis sempre pensa
que o Sinhô não precisa de nada
mais tarvêz não seja assim
tarvêz o Sinhô precisa de mim
sim ... o Sinhô precisa, sim
precisa da minha bondade
pecisa da minha alegria
precisa da minha caridade
no trato com meus irmão.
Nóis somos o seu espêio
nóis somos a sua Criação
nóis num pode fazê feio
nem ficá fazendo rodeio
nem desapontá o Sinhô
nem amargá o seu sonho
que foi um sonho de amô
quando essa terra todinha criô.
Ói Deus, eu prometo
Vou rezá de outro jeito
vou pará com a pedição
e trocá milagre por tostão
tarvez até eu peça uma graça
mas antes eu vô vê direitinho
o que é que andei fazendo de bão
e se nada de bão eu encontrá
muito vou me envergonhá
e ainda vô pedí perdão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

vocêsabeessa

PRECONCEITO

MEUS AMIGOS Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila. Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante. A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos. Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo. Deles não quero resposta, quero meu avesso. Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim. Para isso, só sendo louco. Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças. Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta. Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria. Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto. Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade. Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos. Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça. Não quero amigos adultos nem chatos. Quero-os metade infância e outra metade velhice! Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa. Tenho amigos para saber quem eu sou. Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril. Oscar Wilde